Notícias

Home > Notícias > AEA/SJCampos terá três delegados na 6ª Conferência Estadual das Cidades

AEA/SJCampos terá três delegados na 6ª Conferência Estadual das Cidades

04/07/2016
 
Durante a realização da 6ª Conferência Municipal das Cidades, a AEA/SJCampos elegeu três delegados à Conferência Estadual, das quatro vagas destinadas ao segmento.
 
Foram eleitos o Engenheiro Civil Carlos Vilhena, o Engenheiro Elétrico Antonio Clareti e a Arquiteta e Urbanista Kelly Caramelo. Também foi eleito o professor de arquitetura e urbanismo Paulo Romano.
 
 
A 6ª Conferência Municipal da Cidade de São José dos Campos foi realizada nos dias 1 e 2 de julho no CEFE (Centro de Formação do Educador) pela comissão preparatória, prefeitura e sociedade civil com o objetivo de resgatar a participação popular na construção de políticas públicas e avaliar suas implementações nas questões relativas ao desenvolvimento urbano.
 
No dia 1º de julho foi realizada a apresentação da 6ª Conferência, a aprovação do regulamento da Conferência e o questionário sobre a cidade. Já no segundo dia aconteceu uma palestra sobre os temas, debates sobre os eixos temáticos e a plenária final para a aprovação de propostas e eleição dos delegados municipais para a Conferência Estadual.
 
Após a Conferência Estadual, a demanda será sintetizada e discutida na Conferência Nacional, que acontecerá em Brasília, em junho de 2017.
 
6ª Conferência Nacional das Cidades
 
O Brasil, desde a metade do século passado, deixou de ser um País rural e passou a ser uma nação intensamente urbanizada. Cerca de 160 milhões de brasileiras (os) estão vivendo nas cidades. Essa concentração da população nas áreas urbanas, sem o planejamento adequado, trouxe alguns problemas para a qualidade de vida da geração atual e comprometendo a sustentabilidade no futuro.
 
 
 
Soluções para esses problemas serão discutidas na sexta edição da Conferência Nacional das Cidades, um dos espaços de diálogo entre o Governo e a Sociedade. Nesse sentido, o Conselho das Cidades, criado há mais de dez anos, faz parte deste empenho para avançar na agenda urbana, atuando segundo uma diretiva baseada na democracia e no pluralismo.
 
Para essa edição da Conferência Nacional das Cidades, foi escolhido o tema “Função Social da Cidade e da Propriedade”, que expressa a importância do interesse coletivo. O lema “Cidades Inclusivas, Participativas e Socialmente Justas” proclama o caráter igualitário e equânime qualificando o significado do tema. Pois é fundamental suscitar a compreensão do conceito da função social da cidade e da propriedade ainda pouco assimilado pela sociedade.
 
A 6ª Conferência Nacional das Cidades será realizada em Brasília, no período de 5 a 9 de junho de 2017, espaço onde a sociedade organizada, representada por seus delegados, cumprirá mais uma etapa, a fim de que unidos possamos pavimentar a travessia da cidade que temos para a cidade que queremos.
 

Voltar